fbpx

Ler proporciona novos mundos, além de incentivar a criatividade dos pequenos

Príncipe? Princesa? Um reino só para você? A leitura propicia tudo isso. Com ela, seu filho conhece novas línguas, contextos e histórias, além, é claro, de incentivar a criatividade.
Porém, nem todos se encantam com o mundo dos livros. Muitos preferem a Sra. Tecnologia, que chegou com tudo para a criançada. Mas, não se preocupe! Na dosagem certa, eles podem aprender a gostar dos dois.

As férias estão chegando e, por isso, o ideal é não ficar distante do que foi estudado durante o ano. Para continuar exercitando a mente, um novo livro não faz mal a ninguém. Confira algumas dicas:

1 – Encontre uma “hora calma”.

Em um momento agitado, a criança não consegue fornecer o que a leitura precisa: atenção. Por isso, procure horas em que seu pequeno está mais calmo.

2 – Instigue a curiosidade e imaginação.

Já ouviu falar em “deixar a melhor parte para o final?”, pois é! Com a leitura, também podemos usar essa máxima. Não conte toda a história em apenas um dia, instigue a imaginação da criança, faça com que ela queira saber mais e fique ansiosa para a continuação da história no dia seguinte.

3 – A leitura precisa ser prazerosa.

Até que seu filho decida ler sozinho, abuse da criatividade na hora de contar a história.
Não pressione, não faça que esse momento prazeroso se torne desinteressante.

4 – Seja positivo.

Incentive a criança a falar o que entendeu, fazer parte da história e elogie o progresso do seu filho. Frases como: “Parabéns, você é muito esperto!”, “Vamos ler juntos?”, “O que você acha que vai acontecer?”, entre outras, incentivam a mente brilhante da criança e fazem com que ela perceba que é importante.

5 – Mantenha o fluxo.

Torne a leitura um hábito. Leia durante uns 15 minutos com o pequeno. Com o tempo, a duração da leitura pode ir aumentando, assim como o gosto por ela. Não deixe de ler, acrescente a leitura no dia a dia do seu filho.

Fonte: https://www.lendo.org/dicas-para-incentivar-a-leitura-nas-criancas/